Dados fecham com estimativa do IBGE

Edson Varela - 786

Temos repetido o discurso (até pelo inconformismo) de que somos mais viventes na Serra Catarinense, que aqueles números estimados pelo IBGE. Mas os dados consolidados da vacinação contra a Covid-19 indicam que os cálculos dos técnicos do instituto referido, não diferem muito da realidade.

Pegamos Campo Belo do Sul como exemplo. Pela estimativa populacional deste ano, divulgada em agosto, o município possui 6.859 moradores. A Secretaria de Saúde de Campo Belo aponta 98% da população adulta vacinada, contabilizando 5.458 primeiras doses, outras 230 doses únicas (vacina Janssen) e 362 adolescentes que acessam a vacina.

Significa, portanto, que há 6.050 campobelenses cadastrado na vacina. Faltariam até 300 adolescentes e adultos para entrar na lista. Somada mais uma faixa de população abaixo de 12 anos, não devemos romper muito dos 7 mil habitantes. Numa análise simplória, os dados do IBGE e da realidade populacional fecham. E isso que se visualiza em Campo Belo, repete-se em outros municípios aqui da Região dos Lagos. Assim, o número de pessoas que não quiseram se vacinar é alto ou os dados populacionais se aproximam da realidade estimada pelo IBGE.

MISSÃO EM GRAMADO - Grupo de oito prefeitos, vícios e gestores de turismo atravessaram o rio Pelotas nesta semana. Foram até a Feira de Turismo e Negócios de Gramado, na Serra Gaúcha. Acompanhados do gestor do Sebrae na Serra (Altenir Agostini) e da deputada Carmen Zanotto (Cidadania), foram conhecer alguns modelos de gestão em turismo para implementar em seus municípios. Tito Freitas (Capão Alto), João Cidinei (Anita) e Lai Moraes (vice de Cerro Negro), integraram uma comitiva.


Prefeito João Cidinei (direita) e a deputada Carmen naquilo que foi denominado como ?missão técnica? a Gramado

DE CAPÃO ALTO - Informação que colhemos sobre o clima em Capão Alto nessa ideia (estranha) de desfiliar o vereador Miguel Pereira do MDB, é de que o grupo que administra o município pode estar dando oportunidade para surgir uma via alternativa para o pleito de 2024 . O eleitor é inteligente e sabe interpretar quando os 'cabeças' tentam manter o poder a qualquer custo. Vamos aguardar o desdobramento desse episódio, mas com um emedebista com qual buscamos informações sobre o fundamento da manobra, a resposta foi desanimadora aos 'manobristas': "Isso é besteira. Tem que se entender e respeitar aqueles que pensam diferente da gente mesmo dentro do partido ".

GINÁSIO EM VARGEM - Prefeita Milena Lopes acompanhada dos vereadores do Partido Liberal, durante uma agenda em Florianópolis, bateram à porta do gabinete do deputado Romildo Titon (MDB) para uma visita de cortesia. Saíram de lá com garantia de R $ 1.700.000,00 em emenda impositiva para a construção de um novo ginásio de esportes em Vargem. "Somente coisas boas", comemorou a prefeita Milena.


Vereadores e a prefeita Milena com o deputado Titon

ABDON E O CONTRAPONTO - Vereador Alfredo Palavro (PSD) embasado numa série de enunciados legais não visualizou qualquer incorreção no posicionamento contrário à suplementação de recursos para custeio da folha dos servidores em Abdon Batista. Observou que parecer da área jurídica da Câmara é apenas opinativo, não familiar os vereadores submissos ao entendimento da assessoria. Palavro ainda observou a ausência de estimativa do impacto orçamentário, considerando ainda que a matéria não atende sequer o Regimento Interno da Câmara. A suplementação não era apenas aos servidores da Saúde, mas de setores como Educação, Agricultura, Finanças, Obras, Urbanismo e Cultura. "Respeitamos opiniões divergentes e existem meios para que opiniões das comissões sejam levados à votação em plenário, sendo decidido pelos nove vereadores", observa o vereador do PSD.

BEM FACEIRO - Prefeito João Cidinei (PL) não escondia o contentamento com o acesso de R $ 1.050.000,00 junto ao governo do Estado para a construção de 15 casas em Anita. O município foi incluído mais tarde no programa Gente Catarina (SC Mais Moradias). Nos atos de assinatura do programa, o prefeito de Anita era só contentamento por integrar a lista dos municípios beneficiados.


Lucas Neves e o prefeito João Cidinei no lançamento do Gente Catarina

DE BEM ATÉ O ANO QUE VEM - Pergunta corriqueira atual dias recentes sobre o comportamento dos prefeitos que estão sendo acarinhados (com recursos e ações para seus municípios) pelo governador Moisés. Se eles serão cabos eleitorais do atual governador ou ano que vem é outra. A torneira de recursos se fecha com o calendário eleitoral. Aqueles que praticam a gratidão política e não têm candidato a governador de suas siglas, estará com Moisés. É possível até que prefeitos ajudados agora, subam no palanque de adversário de Moisés ano que vem. Tudo dependerá do destino partidário do governador atual e onde partidos partidos como PL, PP, MDB e assim por diante nos chapas ao governo.


O prefeito Ademilson (Cerro Negro), por exemplo, não tem o que reclamar de Moisés. Mas e se o PP lançar Amin a governador?

EMENDAS À ANITA - Quem frequentou Anita Garibaldi nesta metade de outubro foi o deputado Marcius Machado. Da sigla mesma que o prefeito João Cidinei, o parlamentar carimbo R $ 650.000,00 em emendas para o município. São recursos para implantação videomonitoramento e quadra de grama sintética, execução de pavimentação de rua e até aquisição de placas para energia solar ao hospital Frei Rogério. Se é algo que não dá nunca para reclamar é de dinheiro de emenda. Uma vez anunciado o recurso, cedo ou tarde os pilas chegam.


Marcius no gabinete do prefeito confirmando recursos de emendas para Anita

MARCIUS EM 2018 AQUI - Na eleição para o deputado Marcius foi o nono mais votado a Estadual em Anita Garibaldi. Obteve 182 votos. Aliás, dos oito que obtiveram mais votos que Marcius no município, apenas Titon, Luciane Carminatti e Cobalchini se elegeram. Por sinal, os dois mais votado a Estadual em Anita, Thiago de Oliveira (449 votos) e Lucas Neves (443 votos) nenhum deles se elegeu.


Lucas Neves que não se desgruda de lideranças como prefeito Ademilson e Tito Freitas focando também a eleição do ano que vem

ALERTA NUNCA É DEMAIS - Professor de Otacílio Costa ficou 47 dias no presídio de Lages por ter afirmado numa transmissão por rede social que havia prêmio pela cabeça de Ministro do STF. Na verdade, foi uma afirmação grave e que gerou a consequência da prisão desde 5 de setembro e, agora, o professor está em prisão domiciliar até o desdobramento do inquérito. Atualizando o velho ditado, em tempos de rede social, "quem fala o que quer, sofre as consequências que nem imagina". A rede social não é terra sem lei!

PERGUNTA - O governador Moisés não viria a Campos Novos, estendendo a agenda até Anita Garibaldi para vistoriar as obras da SC-390 em direção a Celso Ramos e autorizar o asfaltamento do trecho urbano dessa rodovia aqui no município, prefeito João Cidinei?


Encontros como esse não sacramentam essa demanda do asfalto desde os Bombeiros até ali na saída para Celso Ramos?

PROVOCADINHA - Trocando uns dedos de prosa com anitense e evidenciando a preocupação que o asfalto entre Anita e Celso Ramos seja concluído sem incluir a área urbana de Anita, daí vem a provocada: "Se o prefeito fosse de Henrique Menegazzo, o asfaltamento da travessia urbana sairia antes do asfalto para Celso ". Será?




correiodoslagos

EDITORIAS
1547797947.jpg

Rua Frei Rogério, 405, Sala 2, Centro, Anita Garibaldi, CEP 88590-000
Fone (49) 3543-0260

Redação: redacao@jornalcorreiodoslagos.com.br

Comercial: comercial@jornalcorreiodoslagos.com.br

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Correio dos Lagos