Cautela com a vacina em Anita

Repercutimos em outros meios e abordamos aqui o cuidado que a área da saúde está tendo com a aplicação das vacinas (Covid-19 e Gripe) em Anita. Isso ficou demonstrado no imprevisto com o resfriador na madrugada do 17 de junho. As vacinas acondicionadas para serem aplicadas no dia seguinte ficaram expostas numa temperatura superior a 8 graus. Secretário de Saúde, Rodrigo Gehrke e equipe, poderiam ter ignorado a variação e mantido a vacinação.

Entretanto, imediatamente, aplicou-se o protocolo para esse tipo de situação, suspendendo a aplicação e levando as doses expostas à temperatura superior aos 8 graus à Regional de Saúde em Lages. O próprio Gehrke levou em mãos o material, após ter feito o comunicado à Secretaria de Estado da Saúde. Observou-nos que fora feito o controle de rotina do resfriador (geladeira) no dia anterior ao problema, sem apresentar a variante. Foi algo imprevisto mesmo.

"Foi uma inconformidade lamentável, mas que não podemos expor os munícipes ao risco de acessar uma medicação que não dê o efeito devido", apontou Rodrigo Gehrke. Por esse tipo de postura que a gente reforça a confiança que os gestores da saúde primam pelo tecnicismo para que a vacina cumpra o papel de imunizar a população. A gente registra porque em tempos de desconfiança o episódio é sinal de confiança!

ESTÁ TUDO CERTO - João Cidinei (PL) a propósito do informado aqui na página do requerimento de vereadores para saber o que veio de dinheiro a destinação dos valores para o enfrentamento da Covid-19, o prefeito disse que já está tudo explicado. "Vieram recursos na ordem de R$ 1.800.000,00 e informamos detalhadamente onde foi aplicado. Inclusive com notas dos gastos, destinação, tudo correto. Os vereadores estão devidamente informados", explica o prefeito João, afastando qualquer dúvida sobre o assunto. Mas lembrando que seriam necessários mais recursos porque há muita demanda decorrente da pandemia.


João Cidinei já informou aos vereadores sobre aplicação de R$ 1,8 milhão que veio para enfrentamento à Covid-19

10 MIL ANITENSES? - Há uma disparidade injusta com Anita Garibaldi quando o assunto é repasse do FPM. Ocorre que o município acessa os mesmos valores que Abdon Batista, Celso Ramos, Cerro Negro e assim por diante, por causa do enquadramento populacional. Para mudar essa realidade só mesmo com um novo Censo que apontasse um quantitativo de habitantes superior a 10 mil moradores. "Temos um levantamento das agentes de saúde que indica essa possibilidade de já estarmos nessa quantia de população", acredita o prefeito João Cidinei.

NOVO CENSO - Esse trabalho casa por casa realizado pelas agentes de saúde permite essa visão mais exata do número de pessoas atendidas. "Claro que esse dado não é oficial e vai depender daquilo que o Censo indicar. Mas acreditamos que o IBGE fará o Censo no segundo semestre deste ano", explica João Cidinei. O prefeito acredita que virá a contagem oficial confirmando o aumento no número de moradores, quantia essa que repercutirá na arrecadação. "Até porque, com uma população três a quatro vezes maior que dos nossos municípios vizinhos, temos despesas bem maiores também".

AJUDA A VARGEM - Porque é importante registrar como resultado das boas relações políticas, a gente informa o aporte de R$ 100 mil através de emenda do deputado Jorge Goetten para o município de Vargem. O dinheiro será destinado à área da saúde, numa articulação com o vereador José Adenir da Fonseca, o Deno (PL). Naturalmente, a prefeita Milena, ao lado do próprio Deno, fez questão de agradecer ao parlamentar pelo apoio financeiro à Vargem.


Prefeita Milena e o vereador Deno no agradecimento ao deputado Jorge Goetten pela ajuda com a emenda de R$ 100 mil

JORGINHO VAI OU VEM? - Já que estamos no noticiário envolvendo o Partido Liberal, há certo suspense envolvendo um parceiro de todas as horas de prefeitos como João Cidinei e Milena Lopes. Trata-se do Senador Jorginho Melo. O nome do político natural ali de Ibicaré voltou a ser cogitado para integrar o Ministério de Bolsonaro. Mas se ele for para a equipe do mito, não viria para disputar o Governo do Estado. Situação boa de Jorginho, de poder escolher. Mas, afinal, será que Jorginho vai para algum Ministério ou vem para a disputa ao Governo?


Jorginho que tem ajudado municípios como Vargem, administrado pela prefeita Milena

JOÃO OU JORGINHO? - Enquanto Luciano Hang já declarou que prefere continuar tocando a Havan, há uma disputa para saber quem será o queridinho de Bolsonaro na eleição do ano que vem em Santa Catarina: João Rodrigues ou Jorginho Mello? O prefeito de Chapecó organiza uma motoata neste domingo, 26. Jorginho quer trazer Bolsonaro no mês de agosto em Floripa para algo do gênero. Há entendimento de que ter o mito no palanque é vantajoso.


Jorginho e João Rodrigues disputam atenção e apoio de Bolsonaro em SC

DÊ-LHE CANDIDATOS - Há uma disposição coletiva em ajudar prefeitos aqui da Região dos Lagos (como deve ocorrer de outras partes do Estado) por conta do aguardado apoio no ano que vem. Na incursão do prefeito Dile a Florianópolis, por exemplo, o deputado Titon ajudou na agenda. Mas o secretário de Agricultura, Altair Silva, buscará a reeleição a deputado e atendeu também o prefeito de Abdon. Outro que recepcionou Dile e o vereador Juliano Mecabo foi o secretário da Casa Civil, Eron Giordani. Embora de perfil técnico, Giordani é apontado como possível candidato a Estadual ano que vem. Ou seja, todos agradam agora, de olho na hipótese de serem agradados nas urnas em 2022.


Dile e Mecabô com Altair Silva (esquerda) que está secretário, mas que buscará a reeleição a estadual em 2022

CASTRAÇÕES NA SERRA - Embora não falte gente apontando que haveria prioridade maior que gastar dinheiro com cachorro, é importante frisar que o controle populacional de animais domésticos repercute na saúde das pessoas. Daí convém respeitar a cruzada do deputado Marcius Machado destinando mais de R$ 200 mil para castrações de animais nos municípios da Serra Catarinense. Aliás providências já iniciadas e com recursos previstos aqui para a Região dos Lagos.

QUANTO VEM PARA CÁ? - De acordo com o próprio parlamentar, Anita Garibaldi contará com R$ 10.958,90 para aplicar na castração de cães. É o mesmo valor que Campo Belo do Sul também irá ter à disposição para efetuar o custeio de castrações, seguindo critérios pré-estabelecidos. Capão Alto pode investir R$ 5.479,45. Cerro Negro contará com um montante um pouco maior: R$ 8.219,18.


Deputado Marcius neste arquivo com o prefeito João e o ex-vereador Leandro Crisoste

'O CARA É ELE' - Conversava com alguns conterrâneos sobre a política em Cerro Negro. Embora estejamos bem distantes da eleição municipal, há quem me garanta que o atual vice, Lai Moraes, só não é o candidato à sucessão de Ademilson Conrado se não quiser. "Pela lealdade, discrição e por entender muito de Cerro Negro". Foi o que ouvimos. Se é assim, aguardemos!


Tem gente torcendo que Lai dê outros passos na política no Cerro Negro

RECADO - Se você conhece alguém que anda meio arisco para se vacinar contra a Covid-19 ou desacorçoado para receber a segunda dose da medicação, ajude, aconselhe, incentive. A vacina é o único caminho!




correiodoslagos

EDITORIAS
1547797947.jpg

Rua Frei Rogério, 405, Sala 2, Centro, Anita Garibaldi, CEP 88590-000
Fone (49) 3543-0260

Redação: redacao@jornalcorreiodoslagos.com.br

Comercial: comercial@jornalcorreiodoslagos.com.br

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Correio dos Lagos