Duzentas crianças no projeto segundo tempo

Anita Garibaldi

Fernando Junior Ambrosio

Aproximadamente 200 crianças participam durante o contra-turno escolar, do projeto segundo tempo. Quatro professores qualificados ministram aulas de iniciação ao esporte para alunos de 7 a 17 anos de idade no ginásio de esportes José Pereira Neves. Os treinamentos acontecem três vezes por semana. Entre as atividades desenvolvidas estão o futsal, voleibol, tênis, e outras recreações.

De acordo com o coordenador local, Fernando Júnior Ambrósio, se trata de um projeto de inclusão social. "O segundo tempo, foi implantado pelo ministério do esporte com a finalidade de facilitar o acesso de crianças a prática esportiva. Para retirar as crianças da rua e fazer com que venham para um ginásio praticar alguma atividade física", salientou o orientador.

Para ele, é um instrumento unicamente de socialização e não da descoberta de novos talentos. "Podem surgir pessoas que venham a se destacar em alguma modalidade, mas se isto acontecer, é uma conseqüência do trabalho realizado pelo atleta. Nossa intenção primeiramente é formar pessoas de caráter e de boa formação profissional", disse Ambrósio.

Em Anita Garibaldi, o projeto existe há três anos. Foi um dos primeiros municípios a serem privilegiados com a iniciativa do governo federal na região serrana.

Há algumas semanas houve a renovação do contrato na capital do Estado. Em decorrência disso, o núcleo foi beneficiado com a chegada de novos materiais, como camisetas, bolas e outros equipamentos esportivos.

O Prefeito Rui Duarte, acompanhou a entrega dos materiais na semana passada, e disse estar satisfeito por Anita Garibaldi ter sido um dos municípios pioneiros do segundo tempo.

Murilo Amorim Lopes, 12 anos, e há cerca de um ano freqüentando o projeto, é uma das 200 crianças inscritas.

O menino diz gostar muito de participar e que neste período aprendeu muitas coisas diferentes. "Aqui a gente se sente bem. Temos muitas coisas boas, e além do mais, gosto de jogar tênis, e aqui tenho essa oportunidade", ressaltou o adolescente, que também destaca as amizades cultivadas com o restante do grupo, como mais um elemento motivador.

O garoto da 6ª série, admite estar cada vez mais participativo e não pretende desistir tão cedo.



correiodoslagos

EDITORIAS
1547797947.jpg

Rua Frei Rogério, 405, Sala 2, Centro, Anita Garibaldi, CEP 88590-000
Fone (49) 3543-0260

Redação: redacao@jornalcorreiodoslagos.com.br

Comercial: comercial@jornalcorreiodoslagos.com.br

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Correio dos Lagos