PRODUÇÃO DE ALIMENTOS

João Maria da Silva. Endereço eletrônico: joaomaria.ag@gmail.com

Fernando Junior Ambrosio

Novas estatísticas da Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO) ratificam que a fome atinge 1,02 bilhão de seres humanos. Nem mesmo as nações desenvolvidas estão imunes a esse flagelo. As pessoas submetidas à insegurança alimentar são 53 milhões na América Latina e Caribe; 42 milhões no Oriente Médio e Norte da África; 15 milhões em países ricos; 642 milhões na Ásia e no Pacífico; e 265 milhões na África subsaariana. Os dados constam de um estudo divulgado em Roma, na sede da FAO. Há um grande e pertinente esforço no sentido de que o evento sensibilize os líderes mundiais quanto à premência de soluções. É decisivo inverter a atual curva decrescente da ajuda oficial ao desenvolvimento da agropecuária, que caiu 58% entre 1980 e 2005. Este dado sugere que o planeta está carente de estadista...

Para o atendimento à prioridade de combate à fome, considerando-se o atual contingente de pessoas submetidas à insegurança alimentar e a prevenção quanto ao futuro, a FAO indica ser necessário investimento anual de US$ 83 bilhões no agronegócio, nos países em desenvolvimento de hoje até 2050. Este é um alerta a ser considerado no caso do Brasil. Afinal, é a nação com a maior era agricultável disponível, as melhores condições de clima e solo e uma agropecuária competente e organizada. No entanto, estamos perdendo tempo, pois se nota a carência, no âmbito do governo federal, de um olhar mais amplo quanto à conjuntura e às perspectivas que se abrem. Será que ninguém do governo federal deu-se conta de que o aumento da população da Terra e a constatada mudança de hábitos alimentares, principalmente de chineses e indianos, exigirão um planejamento estratégico do agronegócio? É como se este não fosse um grande trunfo econômico e o principal responsável pelo superávit de nossa balança comercial, 17% dos empregos e mais de 30% do PIB nacional. O mundo está em alerta quanto à fome. E o Brasil?

 

Referência:

SAMPAIO, João. In: Diário Catarinense – 05 de outubro de 2009 – p. 12.

João Maria da Silva.
Endereço eletrônico: joaomaria.ag@gmail.com




correiodoslagos

EDITORIAS
1547797947.jpg

Rua Frei Rogério, 405, Sala 2, Centro, Anita Garibaldi, CEP 88590-000
Fone (49) 3543-0260

Redação: redacao@jornalcorreiodoslagos.com.br

Comercial: comercial@jornalcorreiodoslagos.com.br

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Correio dos Lagos