SC tem 13 regiões em risco gravíssimo para Covid-19

Divulgação - 738

Boletim atualizado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) nesta quarta-feira (25) aponta que o Estado tem 13 regiões em risco gravíssimo (vermelho). São elas: Oeste, Xanxerê, Meio-Oeste, Serra, Alto Vale do Itajaí, Alto Vale do Rio do Peixe, Planalto Norte, Nordeste, Grande Florianópolis, Médio Vale do Itajaí, Carbonífera, Laguna, e Extremo-Sul.

Além disso, três regiões estão em risco grave (laranja). São elas: Extremo-Oeste, Alto Uruguai Catarinense e Foz do Rio Itajaí. Nenhuma região está em risco alto (amarelo) ou moderado (azul).

A situação piorou em relação à última semana. O principal motivo é o aumento significativo de casos em quase todas as regiões do Estado.

O boletim da SES traz ainda alerta para diversas regiões nos critérios de evento sentinela (variação de óbitos), transmissibilidade (variação de casos), monitoramento, e capacidade de atenção.


Serra Catarinense

Na Serra Catarinense o número percentual de confirmações, ou seja, novas infecções quase dobrou em relação à última semana. Entre os dias 11 e 18 de novembro, o aumento foi de 10,17%. Nesta semana, os registros de aumentos foram de 19,58% que totaliza em 9.819 infecções pelo vírus.

Seguido percentualmente, os registros de óbitos ficaram em segundo lugar. Com cinco novos em toda a região, o aumento percentual ficou em 3,47%. Em números totais, os 18 municípios da Amures somam 149 vítimas fatais.

A única porcentagem que reduziu nos últimos sete dias, foi a de recuperados. No último levantamento, o aumento foi de 7,71% que alcançava um índice de 87,69% de recuperação. Nesta semana, a redução ficou em 6,56%. Em números totais, são 7.674 pacientes.

A taxa de ocupação de leitos de UTI na cidade de Lages, que a referência dos municípios da Amures, continua com 100% dos leitos ocupados e os leitos de enfermaria subiram de 79% para 84%. Destes internamentos, 66 pacientes são de Lages - entre confirmados e suspeitos - e outros 32 de outras cidades da região e do estado.


Região dos Lagos registra mais duas mortes

A primeira morte por Covid-19 no município de Pinhal da Serra foi registrada na terça-feira (24/11). A vítima da doença era servidor público municipal e tinha 51 anos. 

O boletim divulgado pelo município de Vargem na quarta-feira (25), apresentou mais uma morte por Covid, totalizando duas mortes pela doença no município. Na Região dos Lagos, apenas o município de Abdon Batista não registra mortes por Covid-19.




correiodoslagos

EDITORIAS
1547797947.jpg

Rua Frei Rogério, 405, Sala 2, Centro, Anita Garibaldi, CEP 88590-000
Fone (49) 3543-0260

Redação: redacao@jornalcorreiodoslagos.com.br

Comercial: comercial@jornalcorreiodoslagos.com.br

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Correio dos Lagos