Secretário de Estado da Infraestrutura e Mobilidade de SC fez balanço das obras da região em live do Conserra

Fonte: Assessoria AMURES

Instituída desde as restrições de aglomeração gerada pela pandemia da Covid-19, as lives do Conselho de Turismo da Serra Catarinense - Conserra, realizadas nas quartas-feiras, objetivam o fomento do turismo na região da Amures. E o convidado desta semana foi o secretário de Estado da Infraestrutura e Mobilidade, Thiago Vieira para falar sobre ações estruturantes do governo na região.

O presidente do Conserra, empresário Eliseu Farias, indagou sobre as obras na Serra do Corvo Branco, com pavimentação da SC-370 entre Rio Rufino e Urubici. Lembrou que já existe até projeto executivo do trecho. Questionou, também, sobre o andamento da concessão do mirante da Serra do Rio do Rastro, em Bom Jardim da Serra.

Thiago Vieira foi pontual ao explicar que o Estado irá retomar as obras na Serra do Corvo Branco com recursos próprios. Em outubro será publicado edital de execução de nove quilômetros restantes. Sobre o trecho entre Rio Rufino e Urubici, disse que depende de operação de crédito com agência de fomento, por ser uma obra cara.

Quanto ao mirante da Serra do Rio do Rastro, Thiago Vieira explicou que até final de setembro será lançado o Procedimento de Manifestação de Interesse (PMI), que permitirá o recebimento de estudos técnicos. Só depois será feita análise do projeto, audiência pública e por último a concessão.

O vice-presidente do Conserra, Waldir Della Giustina, perguntou sobre o prolongamento da SC-120, entre São José do Cerrito e Campo Belo do Sul. E da inclusão da SC-390 da Coxilha Rica, no Plano Rodoviário Estadual. Thiago Vieira observou que a obra ainda não foi finalizada e depende da construção de trevo com a BR-116.

Sobre a inclusão da rodovia no Plano Rodoviário Estadual está em andamento na Secretaria da Casa Civil e, até final de setembro, deve ser publicado decreto que incorpora o trecho na malha viária estadual./

SC-120 será inaugurada na próxima semana 

Referente à SC-120, Thiago Vieira antecipou que na próxima semana será inaugurado o trecho entre São José do Cerrito e Curitibanos. Quanto ao prolongamento até Campo Belo do Sul, não é prioridade do Estado a implantação de novos trechos. 

Se referindo a retomada das obras da SC-390 entre Anita Garibaldi a Celso Ramos, Thiago Vieira reiterou que não sofrerá paralisação e que, a partir de outubro, deve incrementar o ritmo dos serviços.

Ele respondeu a pergunta, ainda, da SC-114 no trecho Caminhos da Neve em São Joaquim. Disse que até a localidade de Arvoredo compete ao Estado a manutenção e o restante do trecho até Bom Jesus é da União, assim como a ponte das Goiabeiras, entre SC e RS.

O prefeito de Urupema, Evandro Frigo Pereira, comentou sobre a limitação da capacidade financeira dos gestores municipais e do estado. Mas reforçou pedido para que o governo invista em infraestrutura na Serra Catarinense. Thiago Vieira concordou com o posicionamento do prefeito e disse que será contratada em 2021, operação de crédito de R$ 4.4 bilhões para obras como a pavimentação entre Rio Rufino e Urubici.

Ele citou, também, que está em elaboração de um plano para implantação de ciclovias e sinalização nas SC`s que cortam os perímetros urbanos dos municípios.

O presidente do Conserra agradeceu ao secretário Thiago Vieira por atender ao convide para a live e esclarecer pontos importantes de obras pendentes e estruturantes à Serra Catarinense.

Imagens



correiodoslagos

EDITORIAS
1547797947.jpg

Rua Frei Rogério, 405, Sala 2, Centro, Anita Garibaldi, CEP 88590-000
Fone (49) 3543-0260

Redação: redacao@jornalcorreiodoslagos.com.br

Comercial: comercial@jornalcorreiodoslagos.com.br

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Correio dos Lagos