Em 2017 foram repassados R$ 85 milhões; desde 2011 a soma chega a R$ 380 milhões.

11 Janeiro 2018 14:56:31

Fonte Agência AL
3.JPG

  Seguindo a tradição dos últimos cinco anos, a Assembleia Legislativa novamente encerra o ano devolvendo aos cofres do Estado recursos oriundos da economia gerada ao longo do ano. Em 2017, ao todo foram devolvidos R$ 85 milhões, sendo R$ 50 milhões diretamente para o caixa geral do Estado e outros R$ 35 milhões destinados ao Tribunal de Justiça e Ministério Público, referentes à parcela do duodécimo do qual a ALESC abriu mão (LDO 2017, Lei 17.051).

  Com isso, desde 2011 o Poder Legislativo soma mais de R$ 380 milhões em devolução de recursos economizados em suas atividades para a aplicação em áreas prioritárias como saúde, segurança e educação, entre outras.

  Em 2017, a economia é resultado do controle de despesas com diárias e redução do custeio. Entre as medidas, está a implantação do CTISP (Corpo Temporário de Inativos da Segurança Pública), que permitiu substituir policiais da ativa por aposentados, gerando economia de R$ 7,8 milhões.

  Já com o corte de gratificações por acúmulo de função de servidores efetivos a Casa economizou outros R$ 3 milhões no ano. E com a nova licitação para trabalhadores terceirizados, além de reduzir 40 postos, a economia gerada é de R$ 1,1 milhão por ano. 

Imagens

3.JPG

mais sobre:

Enquete

Em Anita, Ensino Fundamental 2 do Município passa a pertencer ao Estado.

Não concordo. Pois o município tem condições para atender o Ensino Infantil e Fundamental
Sim, concordo. Pois a Escola Estadual Padre Antônio Vieira possui mais disponibilidade de estrutura
Não concordo. Pois os alunos de 4 e 5 anos terão que estudar na mesma escola de alunos maiores
Sim, concordo. Mas que seja por curto prazo, até o município ampliar a estrutura física de ensino

Apresentar resultado


correiodoslagos
EDITORIAS
1547797947.jpg

Rua Frei Rogério, 405, Sala 2, Centro, Anita Garibaldi, CEP 88590-000
Fone (49) 3543-0260, e-mail: correiodoslagos@twc.com.br

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Correio dos Lagos